Bandeirinha colatinense é agredida por técnico da Desportiva Ferroviária - Foto: Reprodução
Cidades Esportes

Vídeo | Bandeirinha colatinense é agredida por técnico da Desportiva Ferroviária

Rafael Soriano deu uma cabeçada na assistente Marcielly Netto e a ameaçou caso relatasse a agressão: “Está se usando porque é mulher”

Colatina em Ação – 10 de abril de 2022

Bandeirinha colatinense é agredida por técnico da Desportiva Ferroviária – Foto: Reprodução

Marcielly Netto reside em Colatina, onde exerce a profissão de Personal Traning tem seu registro nos quadros da CBF (Confederação Brasileira de Futebol ), como assistente de campo. De acordo com registros da Federação de Futebol do Espirito Santo, Marcielly atua desde 2019, nos gramados do Espirito Santo, tendo participando de 37 competições.

Agressão

A situação ocorreu neste domingo (10), no Estádio Municipal Zenor Pedrosa Rochano, em Nova Venécia, Noroeste do Estado, no intervalo de jogo, entre a Desportiva Ferroviária contra o Nova Venécia, válida pelo Campeonato Capixaba, quando membros da comissão técnica e alguns atletas do banco da Desportiva invadiram o campo para reclamar com o árbitro.

Bem exaltado, o treinador Rafael Soriano reclamou com o árbitro principal da partida, Arthur Gomes Rabelo, e com a assistente, quando começaram a discutir. Após o bate-boca, Soriano deu uma cabeçada em Marcielly. O treinador foi expulso após a agressão.

Insatisfeito após o árbitro Arthur Gomes Rabelo encerrar o primeiro tempo antes do seu time cobrar um escanteio, o treinador foi tirar satisfações com a arbitragem e deu uma cabeçada na bandeirinha, que imediatamente levou as mãos ao rosto. Rafael Soriano foi expulso pela agressão à assistente e desafiou Marcielly a ir à delegacia registrar Boletim de Ocorrência.

“Se você disser que eu te agredi, nós vamos para a delegacia. Vamos fazer Corpo de Delito, senão eu vou te processar. Ela foi empurrar os jogadores e agora quer dizer que foi agredida. Ela tá querendo aproveitar de uma situação porque é mulher. Não encostei nela, se encostei ela vai provar na delegacia”, falou o treinador à TV Cultura.

Confira o vídeo no momento da agressão do treinador.

Governador Renato Casagrande condena agressão contra auxiliar de arbitragem durante jogo de futebol: “Lamentável”

Nota da Federação de Futebol do Espirito Santo

Em nota a Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo (FES) repudiou o episódio e informou que “dará todo o suporte necessário à árbitra assistente”. Segundo a FES, a súmula da partida será encaminhada para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD-ES). “Sobre o ocorrido no intervalo da partida entre Nova Venécia FC e Desportiva Ferroviária, nas quartas de final do Campeonato Capixaba, neste domingo (10), a Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo (FES) afirma que combate e repudia qualquer ato de violência, este praticado pelo treinador da Desportiva Ferroviária, e que dará todo o suporte necessário à árbitra assistente Marcielly Netto.

Demissão do treinador

A Desportiva anunciou a demissão do treinador em nota divulgada nas redes sociais. “Informamos que, diante do ocorrido, o treinador Rafael Soriano foi desligado do clube”. A Desportiva também repudiou o episódio e se solidarizou com a assistente de arbitragem. “A Desportiva Ferroviária vem a público informar que repudia toda e qualquer tipo de violência, seja física, verbal, moral ou emocional, principalmente contra mulheres, e nos solidarizamos com a assistente de arbitragem Marcielly Netto, nos colocando à disposição para aquilo que for necessário”

Leia também ….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.