Voo para buscar vacina na Índia não decolou - Foto: Reprodução
Política

Voo para buscar vacina na Índia não decolou

Portal Colatina em Ação – 16/01/2021

Voo para buscar vacina na Índia não decolou – Foto: Reprodução

A companhia aérea Azul confirmou que o voo fretado para buscar um lote com 2 milhões de doses da vacina produzida pela Universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca, contra o novo coronavírus não vai mais decolar na noite desta quinta-feira (15.jan).

Mais oito agências dos Correios localizadas no ES passam abrir aos sábados

A informação de que o voo sairia hoje foi anunciada pelo Ministério da Saúde na quinta-feira (14.jan), após a remarcação do voo. De acordo com a pasta, a mudança ocorreu devido “a questões de logísticas internacionais”. Mas, mesmo com mudança de data, o voo previsto para hoje também não vai mais sair.

Tire suas dúvidas sobre regularização de sepulturas nos cemitérios de Colatina

Interlocutores do Itamaraty confirmaram ao SBT News que o envio das doses só deve ser feito depois do início da imunização na própria Índia, marcado para o próximo sábado (16.jan).

Em novo Mapa de Risco, oito municípios do ES, estão em Risco Alto

A companhia aérea Azul continua preparada para a decolagem do avião programado para ir até a Índia buscar o lote de doses da vacina. A companhia afirmou que está aguardando um comunicado do Ministério da Saúde sobre o sinal verde para a partida e, por enquanto, não irá desmobilizar a equipe que cuida do despacho do voo nem sua tripulação.

O Presidente Jair Bolsonaro (sem partido), confirmou nesta quinta-feira que o avião que o avião responsável por buscar as vacinas contra a Covid-19 na Índia partirá somente em “dois ou três dias, no máximo”.

“Já temos tudo acertado para disponibilizar 2 milhões de doses. Hoje está começando a vacinação na Índia, então resolveu-se atrasar em um ou dois dias até que o povo lá comece a ser vacinado. Daqui a dois, três dias no máximo o nosso avião vai partir e vai trazer esses dois milhões de doses para cá”, disse Bolsonaro em entrevista ao programa Brasil Urgente, da TV Bandeirantes.

Fonte: SBT

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *