Filho que matou o próprio pai em Pinheiros, confessa o crime - Foto: Rede Social
Cidades Polícia

Filho que matou o próprio pai em Pinheiros, confessa o crime

Colatina em Ação – 08 de janeiro de 2022

Filho que matou o próprio pai em Pinheiros, confessa o crime – Foto: Rede Social

O ex-candidato a vereador e produtor rural Enivaldo Ribeiro de Souza, de 42 anos, foi assassinado pelo próprio filho, em Pinheiros, no Norte do Espírito Santo. A informação é da Polícia Civil, que prendeu nesta sexta-feira (7) dois jovens, um de 18 e outro de 21 anos (que é filho da vítima). O crime aconteceu no dia 28 de dezembro.

Conforme os investigadores, o jovem de 21 anos confessou, em depoimento na delegacia, ter matado o próprio pai e pedido ao cúmplice para enterrar e dar fim a arma do crime. O nome dos presos não foi divulgado.

A polícia contou, que no dia do crime a vítima teve uma desavença com outro produtor rural por causa de um arrendamento de terra para plantio de café e, marcou uma reunião na propriedade. Enivaldo foi visto pela última vez por volta das 17h do dia do crime, conversando com o filho, na fazenda. Depois, não atendeu mais as ligações da família, nem dos amigos.

Parentes se preocuparam, e acionaram a Polícia Militar. O corpo de Enivaldo foi encontrado durante a madrugada do dia 29 de dezembro, por agentes da Polícia Militar, que foram até a fazenda onde ele havia sido visto pela última vez. O homem foi executado com um tiro na nuca.

“Após a ocorrência do crime as investigações foram iniciadas e indicavam duas linhas de supostas motivações: uma desavença da vítima com um produtor rural no dia do crime ou crime passional. Com os depoimentos dos familiares da vítima foram percebidas algumas incoerências das informações prestadas pelo filho, o que aumentou a suspeita de crime passional”, disse o delegado de Pinheiros, Eduardo Pimenta Mota.

Na tarde desta sexta-feira (7), confrontado pelo material probatório colhido pela investigação, o filho confessou o crime. A arma utilizada no crime foi enterrada pelo outro suspeito de 18 anos, em uma propriedade próxima de onde aconteceu o homicídio e, encontrada e apreendida nesta sexta-feira.

Os dois presos foram autuados na Delegacia de Pinheiros e levados para Delegacia Regional de Nova Venécia , de onde serão encaminhados para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Domingos do Norte.

Leia também ….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.