Cidades Saúde

Será sepultado nesta terça-feira Mestre de capoeira que morreu após comer marisco

Redação Colatina em Ação – 24/09/2019

Foto: Reprodução

Alérgico a Mariscos o presidente da federação de capoeira do Espírito Santo à (FECAES), Alcebíades Milton Cabral o mestre Cabral de 60 anos, morreu após comer sem saber, arroz com Siri desfiado, o acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira(23/09), em uma corretora de planos de saúde e empréstimo consignado onde mestre Cabral trabalhava no centro de Vitória.

Mestre Cabral começou a passar mal após experimentar a comida de um colega, um corretor de 46 anos, o corretor contou que saiu desesperado em busca de medicamento, mas quando retornou ao escritório o colega já estava desacordado, com ajuda de outros colegas da profissão, eles tentaram reanimar o capoeirista com massagem cardíaca, mas não tiveram sucesso. O corpo de bombeiros foi acionado. O irmão de mestre Cabral um cabo da Polícia Militar também foi informado e acompanhou o socorro. Quando a ambulância do SAMU chegou, levou Cabral para o hospital.

A filha dele a bióloga Dandara Cabral de 26 anos disse que o pai chegou ao hospital sem vida. Mestre Cabral era casado deixou cinco filhos. Familiares e Mestres de capoeira que conheceram o presidente da federação de capoeira do Espírito Santo, Alcebíades Milton Cabral, mestre Cabral, disseram que ele contribui para o desenvolvimento de projetos sociais e do movimento negro capixaba.

Dandara informou que o corpo do pai será velado nesta terça-feira no cemitério Parque da Paz em Ponta da Fruta, o sepultamento será às 4 horas da tarde desta terça-feira(24/09).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.