Cidades Política

Rede Gazeta fecha jornais impressos e demite jornalistas

Redação Colatina em Ação – 01/08/2019

A crise do papel que vem acabando pouco a pouco com os veículos de comunicação impressos no Brasil, atingiu a Rede Gazeta, no Espírito Santo. A empresa anunciou na tarde de hoje (31) que vai priorizar o jornalismo digital.

A partir do dia 30 de setembro, a rede vai retirar da circulação diária o jornal A Gazeta. Nesta sexta-feira (2) o jornal popular Notícia Agora (Na!) também terá suas atividades encerradas.

Segundo a nota publicada pela Rede Gazeta, esse movimento vem sendo planejado há cerca de um ano e meio, dentro de um projeto chamado TDigital, desenvolvido por uma equipe multidisciplinar da Rede Gazeta desde o primeiro semestre de 2018.

Uma das premissas do projeto é levar, para dentro da redação de A Gazeta,
especialistas em inteligência artificial, SEO, marketing e análise de dados para indicar estratégias de distribuição de conteúdo e captação de assinaturas digitais.

A empresa alega que a transformação digital, no entanto, não vai resultar no fim dos jornais impressos da rede. Na primeira semana de outubro, será lançada uma edição
semanal impressa de A Gazeta, que circulará aos sábados.

Apesar dos benefícios visados pela Rede Gazeta, o fechamento do ‘Notícia Agora’ gerou várias demissões, dentre elas, o editor chefe de ‘A Gazeta’ e do ‘Notícia Agora’, André Hees.

Quem assume o lugar de Hees é Elaine Silva, que desde 2014 ocupava o cargo de editora-executiva de A Gazeta.

Outros demitidos:
Bernardo Coutinho
Mayra Bandeira
Andrea Pegoretti
Tubarão
Cinthia
Cedoc 2
Ovadias
Patrícia Scalzer
Elton Lirio
Arabson
Erica
Joviana
Maíra Mendonça
Dani Saqueto
Luciana Castro
Genildo
Anderson Salles
Dayse Torres
Erikinha
Gabriela Singular
Mariana Perim
Benahia Figueiredo

Fonte: Congresso em Foco /Com informações da Rede Gazeta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.