Cidades Política

Operação Mark Chapman prende 55 em Colatina

O combate a facção comandada pelo traficante capixaba John Lennon foi batizada de Operação Mark Chapman, assassino do beatle John Lennon

Publicado por Nilo Tardin em Diário Digital Capixaba – 29/07/2019

Divulgação Polícia Civil de Colatina. Cadela farejadora Kyria

Operação Mark Champan, o nome do assassino do beatle John Lennon batizou a ação policial que até agora prendeu 55 pessoas suspeitas de pertencer às fileiras de três gangues em guerra pela disputa da venda drogas nos morros de Colatina, noroeste capixaba.

Tudo por conta do alvo principal da mão pesada da lei, o traficante capixaba John Lennon, preso em Cariacica de onde continua a comandar o tráfico na região, detalha o delegado Deverly Pereira coordenador da Operação Mark Chapaman

“Sim. O nome é uma referência ao combate a organização comandada pelo traficante capíxaba John Lennon de dentro da cadeia na Grande Vitória, John Lennon está preso desde fevereiro de 2017 além da mulher dele e parentes dela, mas continua no comando desta facção que age no município e região”, frisou Deverly.

A Operação Mark Chapman movimentou 129 policiais civis e militares. O delegado Deverly revela que nesta segunda-feira, 29 foram apreendidas mais 3,2 kg de maconha, balança de precisão e um réplica de arma de fogo. Os outros 54 foram presos deste a última quinta-feira, 25 quando foi desencadeada a mega operação.

“As drogas foram localizada no fundo de um cômoda no Bairro Vista da Serra com ajuda da cadela Kyria e agentes da Delegacia De Narcóticos de Colatina. Com essa prisão subiu para 55 os detidos”, afirmou.

Saiba Mais

De acordo com a Polícia Civil durante a operação na quinta, 25 foram apreendidos dois revólveres, munições, cerca de 414 pedras de crack, 44 “buchas de maconha”, 600 gramas de maconha, 1000 pinos para embalo de cocaína, cinco rádios comunicadores, uma balança de precisão, além de celulares, rádios comunicadores e dinheiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.